Happy Fucking New Year

15306657_1405336412859319_1194835592232304640_n

Wolfgang, especial de fim de ano Sense8

Não, a intenção não é felicitar o Ano Novo. Porque não há nada de Novo e muito menos de Feliz.

Claro, não dá pra negar que existe uma certa atmosfera de renovação – ou de potencial de reinício. Existe uma camada arquetípica aqui, que é a mudança de um ciclo, a promessa de novas energias, novas oportunidades. Nos sentimos mais aptos, capazes e confiantes em investir nossas refrescadas energias nos nossos sonhos, ambições, vontades, desejos.

Mesmo eu – a guria do Mapa Astral cheio de terra, realista com forte tendência ao pessimismo – senti a expectativa de terminar aquilo que chamamos de ano 2016 d. C. e adentrar o recém-chegado 2017, com suas promessas e mistérios. Vou mentir não, comecei o ano cheia de atividades relacionadas à limpeza, organização, iniciativas, esperanças.

Mas 2017 não nos deu nem colher de chá pra esperar uns dias, e chegou na voadora logo no Réveillon. E nos dias seguintes.

Continuar lendo

Anúncios
Publicado em Tá foda | Marcado com , , | Deixe um comentário

Mafalda & o Karma da Humanidade

o-que-mafalda-e-lisa-simpson-nos-ensinam-html

Como diabos o meu cérebro gerou um raciocínio que linkou Mafalda e discussão sobre karma, é um grande mistério. Na verdade não. HUE

Primeiro: quem ou o quê é uma Mafalda? :p

Pra quem não conhece, “Mafalda” é uma personagem de tirinhas, que levam seu nome, criada pelo cartunista argentino Quino nos anos 60. Minha mãe adorava, e há uns bons anos comprou a edição completa “Toda Mafalda”, que li tantas vezes que cheguei a decorar as tiras.

maf6

Fiquei um bom tempo sem ler, e esses tempos resolvi matar a saudade. E continuei me fascinando pelo humor peculiar e único de Quino, a personalidade e representação de cada personagem, o crescimento destes ao longo dos anos.

Também senti a básica deprê e frustração em perceber como o mundo e as críticas políticas de décadas atrás continuam tão atuais. Chega a ser assustador. Perceber que as únicas mudanças foram relacionadas a contextos históricos e evolução tecnológica. Como seres humanos, não mudamos nada.

Continuar lendo

Publicado em Relações Improváveis | Marcado com , , , | 2 Comentários

99% vs 1%

emerging

Há um bom tempo que tenho tentado escrever para o blog. Pra não deixá-lo mofando como muitos outros. Mas a coisa aqui anda devagar, então o negócio é tentar respeitar o ciclo e não se descabelar.

Agora que finalmente consegui mexer os dedinhos o mínimo pra desvirginar a página em branco, resolvi escrever um pouco sobre esse tipo de hiato. Sobre ócio criativo, bloqueios internos, forças maiores que tua própria vontade, estagnação.

Afinal, ia achar muito estranho publicar um post de assunto aleatório depois de meses de sumiço, como se nada tivesse acontecido.

Continuar lendo

Publicado em Tá foda | Marcado com , | Deixe um comentário

A arte de tretar – George Carlin

George Carlin foi um comediante de stand-up – além de ator, autor e crítico social – que infelizmente já faleceu. E não apenas um mero comediante, mas um dos maiores, que influenciou colegas e gerações do humor. BÃT, graças às internétchy, muitos vídeos e performances dele estão disponíveis para todos nós apreciarmos.

Apreciarmos a boa e velha arte do sarcasmo, humor negro, agressivo e crítico. ❤

Acho que isso resume muito bem a arte de George Carlin (sim, comédia e stand-up também é arte, sabia não? Ou tu acha que arte é só pintura à óleo?). As performances dele são sempre regadas a muito humor negro, e, em sua maioria, com muita pimenta (a.k.a agressividade, provocações e cutucadas em tabus sociais, hipocrisias e perspectivas paradoxais).

É possível que você tope com algum vídeo dele cujo assunto te choque feito fratura exposta. É exatamente esse o objetivo. Se tu se sentiu ofendido, chocado, indignado com o que ele fala… parabéns, você acabou de ser arrebatado pela obra dele. :p

Continuar lendo

Publicado em Porque arte nunca é demais, Procrastinação e Cultura | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Dica de procrastinação culturística

Temos aqui um domingo – e um domingo de feriado! weeeeeee- sqn. Um domingo péin frio, aqui nas bandas do sul. Solzinho maroto, estômago cheio, preguiça batendo.

Que que cê faz?

Faz chimarrão e vai vadiar no Youtube, claro!

Compartilho aqui duas playlists, uma do programa “How it’s Made”, e outra do “How it Works”. Dá pra achar trocentos vídeos deles youtube afora, tanto inteiros quanto fragmentados, e estas duas playlists são apenas um exemplo.

São vídeos viciantes – principalmente os de comidas :p – e ótimos pra matar um tempo, mas, ao mesmo tempo, tu vagabundeia e aprende alguma coisa junto. Algumas coisas eu me surpreendi, pois nunca havia me questionado sobre como o produto era feito. Em alguns casos, é apenas um exemplo, pois os programas costumam fazer a matéria em cima de uma única empresa ou fábrica – e nos EUA ou Inglaterra, cujas realidades são um tanto diferentes daqui, mas ainda assim é bem bacana pra aprender sobre a confecção de coisas do nossos cotidiano.

Continuar lendo

Publicado em Procrastinação e Cultura | Marcado com , | Deixe um comentário

A arte de Hua Tunan

tumblr_o51l6vgErn1rn61u8o4_1280

Hua Tunan é um artista – pintor e grafiteiro – chinês, cuja arte mescla diversos gêneros da arte. A sua marca mais característica é o cruzamento de técnicas de pintura tradicionais chinesas com arte urbana e grafite, cujo resultado tem um grande ‘quê’ abstrato estilo Jackson Pollock.

Confiando em suas habilidades, Tunan utiliza diversas ferramentas para criar sua arte: sprays, pincéis, mãos – tudo ao som de tambores, uma tradição de arte chinesa. Assim, seus trabalhos revelam tanto um senso tradicional quanto uma rebeldia e leque de cores, uma vibrante justaposição de culturas e técnicas.

Além disso, é frequente os motivos de animais totêmicos, símbolos tradicionais da cultura cinesa – como peixes dourados, por exemplo, que representam sorte, riqueza e prosperidade.

Continuar lendo

Publicado em Porque arte nunca é demais | Marcado com , | Deixe um comentário

Empatia faz bem pro coração

578176_463100980551627_7375351139522470574_n

Enquanto que a postagem anterior, sobre discernimento, referia-se a uma qualidade que fortalece o cérebro, a de hoje é algo que fortalece o coração. Enquanto que a postagem anterior, sobre discernimento, era um desabafo sobre a falta dessa característica na população mundial atualmente, a de hoje expressa o mesmo tipo de desabafo sobre o vazio torácico das pessoas.

A ilustração aí de cima demonstra bem o ponto que quero trazer hoje: a empatia se tornou uma raridade.

Continuar lendo

Publicado em Nutrientes da Vida | Marcado com , , , | Deixe um comentário